Dê Pressão!

Babilônia nata
Babilônia mata

Paga carro pra sobreviver
Paga caro pra morrer

Esse povo é top:

Quanto custa cada quadrado?
Quanto peso tem seu concreto?

Não posso plantar a erva
em meu terreno
Porque o bico sujo dedura
o mato que me cura

O mato cura! Continue lendo “Dê Pressão!”

Das Letras

Réveillon dois mil e vinte eu me permiti
Vim pra São Thomé das Letras e não quero mais sair
Fui bem recebido pela Paulina
Almoço de doze conto é uma obra prima
De sobremesa, a geleia de sua neta Marissa
Meu sinal de que estou na estrada certa… Continue lendo “Das Letras”

Macho Pai

Temos pais fracos. Temos pais sem educação. Que ejaculam filhos pra depois cuspir na educação. Pátria.
Paíszinho miserável, herdou a frase Filhx da Puta como xingamento só para tirar o peso das costas do imprestável PAI. Continue lendo “Macho Pai”

Maria Isabel

“Maria Isabel vive longe daqui… E lá, nem a internet a alcançou ainda.
Nos comunicamos por memórias e através de cartas.
Sim, por cartas e lembranças.
Há trinta e cinco anos enviamos cartas uma pra outra!
Há trinta e cinco anos eu não a vejo, minha melhor amiga desde criança… Continue lendo “Maria Isabel”

Apenas Ser

As piscinas de bolinhas me fazem
Querer voltar a ser criança
Quando as vejo, lembro
Daquele pobre menino alegre
Privilegiado por ser sonhador
Não gostava de entrar em problemas e Continue lendo “Apenas Ser”

Livro Sem Fim

Um dia, passando as férias escolares na casa de meus avós maternos, no Jardim Peri, acabei me desentendendo com uma prima de terceiro grau que eu mal conhecia (coisa de crianças pré aborrecentes) e de noite recebi o seu telefonema, furiosa, do outro lado da linha me contou um segredo de família que eu não sabia, ela disse: “BIXA, VOCÊ É ADOTADO!”. Continue lendo “Livro Sem Fim”

Sevirologia: A arte de se virar

José Soró é um dos arquitetos da nossa boa cultura periférica

Nascido nos anos 60
Brasileiro, cresceu nos braços do povo e pelo povo lutou
Por nós, povo
Pelo imenso valor de nossa simples cultura

Guerreou pelos direitos humanos e
Venceu usando o caráter e a coragem como armas principais
Um artista em prol da sabedoria de um povo Continue lendo “Sevirologia: A arte de se virar”